XII CONGRESSO INTERNACIONAL

QUESTÕES FUNDAMENTAIS DA HERMENÊUTICA FILOSÓFICA:

IDENTIDADES, RESISTÊNCIAS E GÊNEROS

Data limite para a submissão de trabalhos:

30 de setembro de 2019.

PALESTRANTES CONFIRMADOS​

    Alexandre Marques Cabral

             (Professor UERJ)


   André Duarte    

(Professor UFPR)  


 Fabiano Lemos

 (Professor UERJ)


Rebeca Furtado        

(Professora Colégio Pedro II)


  Marco Antonio Casanova

           (Professor UERJ)


Maria Rita    

(Professora UFPR)


 Paulo Gil Ferreira

   (Professor UERJ)


Roberta Cassiano        

(professora FAETEC)        


Tito Marques

(professor UERJ)

CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO DOS RESUMOS

Os resumos serão avaliados pelxs membrxs da Comissão Científica, bem como por consultores ad hoc. Os resumos poderão ser aprovados, reprovados ou aprovados após alterações sugeridas.

A avaliação dos resumos será feita de acordo com os seguintes critérios:

a) Adequação do título ao trabalho;


b) Fundamentação e relevância do estudo;


c) Coerência e diversidade de vozes;


d) Abertura para o diálogo;


e) Apresentação dos resultados e sua discussão;


f) Adequação do resumo ao bloco temático ao qual ele foi proposto.

Critérios para a submissão dos textos das comunicações


1. Xs autorxs devem, necessariamente, estar inscritos no evento e ter efetuado o pagamento da taxa de inscrição para garantir a apresentação e publicação do resumo. 


2. Cada participante só pode submeter um trabalho na categoria dos autorxs.


3. O número máximo de autorxs por trabalho é de 3 participantes.

 
4. O resumo deve ter entre 300 e 350 palavras e ser apresentado em parágrafo único, fonte: Times New Roman, tamanho: 12, espaçamento duplo. Não serão contados título e palavras-chave nesta área.


5. Deverão ser apresentadas entre 3 e 5 palavras-chave, separadas por ponto e vírgula e a última palavra seguida por ponto.


6. Os trabalhos deverão ser enviados, em um documento PDF, para o email: Identidadeegenero@gmail.com, contendo os seguintes dados: título do trabalho, bloco temático, autor, resumo e palavras-chaves.

BLOCOS
1. Pautas identitarias e políticas de extermínio 
2. Produção de saberes e práticas de(s)colonizadas
3. Violência e gêneros
4. Hermeneutica, territorialidade e normatividade histórica 
5. Religião, identidade e gênero 
6. Cisnormatividade, heterossexualidade compulsória, diversidade e resistências

PROGRAMAÇÃO

6 DE NOVEMBRO 

18:00 – Recepção dos participantes


18:30 às 21:00 – Palestras de abertura

(Sala 9031 – Auditório da Pós-graduação
em filosofia UERJ)

 

Alexandre Marques Cabral (UERJ): Exu Mulher: sobre a transgressão de gênero
nas Pombagiras

 

Fabiano Lemos (UERJ): Todo poder aos sodomitas!
 

Rafael Haddock-Lobo (UFRJ): Os gêneros das ruas: notas de filosofia popular
brasileira - Rafael Haddock-Lobo

7 DE NOVEMBRO

 

PRIMEIRA MESA – 9:00 às 10:30
 

Elina Eunice Montechiari Pietrani (UVA) – Solidão feminina e violência de gênero:
a desconstrução de uma identidade a da psicologia fenomenológico-
hermenêutica em Martin Heidegger;

 

Flávia Neves Ferreira (UNESP) – A ressignificação do corpo e da sexualidade na
teoria Queer e na fenomenologia de Merleau-Ponty;

 

Sharlys Jardim (Estácio/UENF) – O desvelamento das identidades de gênero na
clínica fenomenológico-existencial e a arte de Susano Correia.

 

SEGUNDA MESA – 10:45 às 12:15
 

Christiane Costa Mattos (UFRJ): A diversidade no comportamento de vida e os
enunciados da experiência de vida

 

Claudio Medeiros (UFF) - Em defesa da Colônia: genealogias de um não-
acontecimento

 

Gabriel Lago Barroso (UERJ): O corpo a cada vez meu: Para uma fenomenologia
da corporeidade.
Pausa para o almoço

 

TERCEIRA MESA – 14:00 às 15:30
Anarquismo, Gênero e Necropolítica

 

Camila Jourdan (UERJ)
 

Inaê Diana Ashokasundari (UFRJ)
Wellington Federico (UERJ)

 

QUARTA MESA – 16:00 às 17:30
 

Ana Maria Lopes Calvo de Feijoo (UERJ) – Perfil do suicida: dilema, identidade e
liberdade;

 

Márcia Noleto (UERJ) – Projeto de humanização do luto parental no Brasil: surge
um novo movimento de resistência;

 

Paula Land Curi (UFF) – Desigualdades de gênero: como afetam a saúde da
mulher? 

 

MESA PLENÁRIA – 18:00 às 20:00
 

Eduardo Jardim – Doença e tempo (PUC-RJ)
 

Tito Marques (UERJ): A livre circulação do mal

8 DE NOVEMBRO

 

Sala 9047 – Auditório da pós-graduação em filosofia – UERJ


PRIMEIRA MESA – 9:00 às 10:30
 

Cisnormatividade e heterossexualidade compulsória: a necessidade de uma
leitura decolonial contra o CIStema normativo de sexualidade e gênero no
ambiente acadêmico.

 

Bruno Latini Pfeil (USU)
 

Ramiro Gonzalez de Almeida Junior (USU)
 

Alexandre Trzan-Ávila (USU)
 

Roberta Cassiano (FAETEC) – Feminismo heideggeriana

 

SEGUNDA MESA – 10:45 às 12:15
 

Maria Helena Damasceno e Silva Megale (UFMG) e Gladston Bethônico
 

Bernardes Rocha Macedo (UFMG) – Impessoalidade e (in)diferença na aplicação
do Direito: a tensão entre normatividade e alteridade e os caminhos
fenomenológico-hermenêuticos de sua rearticulação;

 

João Ibaixe Júnior (UERJ) – Para uma hermenêutica da coragem;
 

Rodrigo Ribeiro Alves Neto (UNIRIO) – Verdade, política e resistência em Hannah
Arendt.

 

Pausa para o almoço
 

TERCEIRA MESA – 14:00 às 15:30
 

Alexadre Trzan (UERJ): Identidade de gênero: Performatividade, ser-aí e
subversões.

 

Marcelo Santana Ferreira (UFF): “Sexopolítica como produção de sujeitos”;
 

Paulo Gil Ferreira (UERJ) – “Toda grande Nação diligente se lança ao mar”;
 

MESA PLENÁRIA – 16:00 às 18:00
 

Marco Casanova (UERJ): Violência identitária e captura do desejo: da
extensão do campo de luta

Márcia Sá Cavalcante Schuback (Sodertorn College): “Saber migrante”.

Pagamento Offline

 

A nossa conta é da Bradesco (Ag. 1444, CC. 0033240-2, CNPJ.: 123018540001-97).

O favorecido é Editora Via Verita Ltda 

 

"Cada segundo é tempo para mudar tudo para sempre."

(Charles Chaplin)

  • Wix Facebook page
  • Twitter Classic

© 2016 por viaveritavirtual

Rio de Janeiro - Brasil